quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

O Universo veio de onde?


Existe um dilema filosófico muito profundo envolvendo a origem do universo. Esse dilema é o seguinte:
1 - O universo veio do nada?
2 - Ou o universo sempre existiu?

Por dedução lógica, podemos concluir que a primeira opção – a de que o universo veio do nada – é um paradoxo. Isso porque do nada, nada vem. O nada não gera outra coisa que não seja ele mesmo. Além disso, antes do universo não existia a relação de causa e efeito pelo simples fato de não existir o tempo – tempo este que começou a existir a partir do Big Bang. Portanto, mesmo que fosse possível, não havia tempo para o nada gerar algo.
Então nos resta a segunda possibilidade, a de que o universo sempre existiu. Porém, essa opção também está errada, porque o universo teve, sim, um começo no Big Bang. Então o que nos resta?

Teria o universo se originado de um microverso?

Tudo nos leva a crer que há algo além do universo conhecido. Se o universo não teve um começo e ele também não pode ter surgido do nada, então algo que existia antes dele provavelmente o originou. A partir desta possibilidade, temos algumas hipóteses interessantes para explicar o que causou o Big Bang. Essas hipóteses podem ser expressas nas seguintes questões:

-Existe um Multiverso?
-O nosso universo está dentro de um buraco negro de outro universo?
-Vivemos em uma simulação estilo 'Matrix' criada por um supercomputador do futuro?
-Universo é pandimensional e percebemos apenas a parte tridimensional dele?

Todas as opções acima podem estar corretas. Isso porque é possível que exista um multiverso formado por infinitos universos paralelos onde o nosso é apenas um deles. Este multiverso não teria tido começo e existira dentro de um hiperespaço infinito. Apesar de não haver evidência da existência de um multiverso, esta hipótese é bastante debatida entre os cientistas.
É possível também que existam mais dimensões além das quatro que conhecemos (largura, altura, comprimento e tempo) formando p-branas. Essa possibilidade é discutida dentro da Teoria das Supercordas e pode servir para explicar fenômenos aparentemente sem sentido, como o Princípio da Incerteza e até mesmo a matéria escura. Um universo pandimensional pode, inclusive esconder a sua origem em uma das dimensões não observadas onde as leis da física podem obedecer a parâmetros desconhecidos. Essa hipótese é particularmente interessante porque pode ser a chave para criar a Teoria de Tudo, que unificaria em uma só estrutura teórica a mecânica quântica e a relatividade geral.

Universos paralelos?

O universo também pode estar dentro de um buraco negro e o Big Bang teria sido a explosão do mesmo, o que poderíamos chamar hipoteticamente de "buraco branco". Só que neste caso, estaríamos dentro de um outro universo que poderia também estar dentro de outro e assim indefinidamente, como uma espécie de 'matrioska cósmica'.
E a possibilidade mais intrigante, na minha opinião, é a da simulação, onde o nosso universo estaria sendo emulado em algum supercomputador quântico do futuro. Se analisarmos o universo do ponto de vista matemático, há a sensação muito forte de que tudo ocorre de maneira muito semelhante a um ambiente simulado, obedecendo a leis, limites e constantes específicas. Inclusive, esta percepção corrobora com a visão teísta da Sintonia Fina, onde as constantes cosmológicas estão perfeitamente alinhadas para que tudo seja bonito, ordenado e favorável à vida no cosmo. É possível que o universo tenha sido, por exemplo, um experimento de cientistas que estão fazendo algum tipo de projeto de simulação para fins acadêmicos. Hoje, aliás, já fazemos simulações do universo com certa precisão para fins de estudo. O que dizer então de uma civilização que esteja milhões (ou bilhões) de anos à frente da nossa tecnologicamente falando... Como já dizia Arthur C. Clarke: "Qualquer tecnologia suficientemente avançada é indistinta da magia". 
O vídeo abaixo mostra o que já somos capazes de fazer a nível de simulação cósmica:



Enfim, qual seria a hipótese mais coerente para explicar a origem do universo?

7 comentários:

  1. O universo veio de Deus.

    ResponderExcluir
  2. Wellington o que mais gosto é da teoria dos universos paralelos em que cada universo tem uma cópia nossa. essa teoria me deixa feliz e ao mesmo tempo fascinado pois aguça nossa imaginação e pode provar a reencarnação

    ResponderExcluir
  3. eu acho que o universo nasceu do rompimento de outro universo tipo assim tava outro universo se expandindo chegou a um limite e vei para em outra area e chegou ate onde esta nosso cosmo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando você não houver estudado a fundo um determinado assunto, abstenha-se de achar: apenas ouça os que sabem, pesquise, reflita e, quando tiver acumulado conhecimento suficiente, emita sua opinião, jamais seu achismo.

      Excluir
  4. Admiro teus conhecimentos. Sou físico, mas desconheço muitos dos conceitos nos quais tocou acima. A busca pela forma como tudo se originou continua um mistério, mas a ciência se dá o trabalho de insistir na busca das respostas, enquanto o preguiçoso mental diz: "foi algum deus". Se levássemos em conta a resposta de que foi Deus quem criou o universo, pergunto: o que diabos ele fazia antes? Se Ele sabe tudo, porque fica assistindo esse filme de final conhecido? Se ele criou tudo isso pra "mostrar seu amor pelo homem", porque diabos não criou tudo num estalar de dedos, em vez de ter feito o big bang (teoria admitida hoje até pelo papa)?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exato. O que instiga a busca pelo conhecimento é justamente a dúvida, a incerteza. A fé nos rouba isso.
      Sobre deus ter criado o universo, eu apresentei o paradoxo que isso significa neste post.

      Excluir