terça-feira, 14 de março de 2017

Como eu me sinto quando falo sobre política


O canal Porta dos Fundos produziu um vídeo genial que expressa o óbvio: que Jesus foi o primeiro "socialista". Já expliquei em outras postagens que Jesus dividia o pão, o vinho, pedia para nos desfazermos de riquezas materiais para dar para os pobres, protestou contra o comércio em local sagrado, pregou o amor a todos os seres humanos e disse que quem não tivesse pecado, que atirasse a primeira pedra. Isso tudo os coxinhas cristãos defendem e acham sagrado em suas igrejas. Porém, se alguém fala tais coisas dentro de um contexto político hoje, é xingado de esquerdopata e hostilizado como se fosse o próprio diabo.
Eu mesmo cansei de ser xingado tanto neste blog quanto nas redes sociais das coisas que Jesus foi xingado no vídeo por estar defendendo direitos humanos, combate à fome e redistribuição de riquezas. O vídeo abaixo é uma representação fiel do que acontece com quem ousa defender o amor ao próximo e a justiça social no século XXI.


PS: E no final tem um bônus de como algumas feministas me tratam quando defendo o feminismo. Realmente, não é fácil ser de esquerda hoje em dia.

0 comentários:

Postar um comentário